restinga
bambas
embaixadores
gravatai
imperio zona
uniao
imperadores
imperatriz

O Carnaval dos gaúchos inserido no maior evento da música, a “FESTA NACIONAL DA MÚSICA”

Publicado em: 6 de out de 2016, às 11h39

Após 11 anos acontecendo na Serra Gaúcha, em Canela (RS), a Festa Nacional da Música tem um novo palco, Porto Alegre (RS).  A capital vai respirar música e cultura durante os dez dias de evento, que acontece de 8 a 19 de outubro em novo formato itinerante, inserindo o carnaval em sua pauta.

Consolidada como o mais importante encontro da música brasileira, a Festa irá manter a proposta de reunir grandes nomes da música nacional, músicos e bandas de diferentes gêneros e estilos, profissionais do show business, técnicos e produtores.

Uma das grandes novidades da Festa em 2016 é o envolvimento do carnaval, que terá atividades que prometem agitar Porto Alegre, sendo que a  Descida da Borges acontece no dia 14 de outubro e é  uma das mais aguardadas atividades, o inicio esta previsto para às 20h, e contará com a participação das escolas Imperatriz Dona Leopoldina, campeã do carnaval 2015,  Imperadores do Samba, Bambas da Orgia, Império do Sol, e Banda da Saldanha.

Vale ressaltar que este é um momento impar, tendo em vista que esta é a primeira vez que o carnaval faz parte da programação do evento  e  acontece a convite,  do jornalista e radialista Fernando Vieira, que  é o idealizador e responsável pela concepção e direção geral da Festa Nacional da Música, Fernando  traz em sua bagagem quase 40 anos dedicados à música e à televisão no Rio Grande do Sul.

A Festa Nacional da Música  vai  antecipar o carnaval 2017 da capital gaúcha,  entre os shows e a Descida da Borges,  será realizado o sorteio da “Ordem de desfile  das escolas de samba” que estarão desfilando no carnaval 2017, o ato esta previsto para acontecer às 18h no Largo Glênio Peres.  Conhecido por seu apelo e  o grande número de pessoas que lotam a Borges de Medeiros, a Descida tem como finalidade reviver os antigos carnavais que aconteciam no Centro da cidade,  as escolas descem pela mesma pista onde desfilavam até o ano de 1969.  A concentração começa na Esquina Democrática (Rua da Praia com Borges de Medeiros) e segue em direção à Prefeitura de Porto Alegre.

Segundo o presidente da LIESPA- Liga das Escolas de Samba de Porto Alegre GE, Juarez Gutierres de Souza, este é um momento muito importante, pois insere e traz para discussão o carnaval, reunindo integrantes das principais escolas de samba do carnaval da capital e de outras cidades.

O presidente da Liespa Juarez Gutierez de Souza, sauda o pavilhão da Liga.
O presidente da Liespa, Juarez Gutierez de Souza, saúda o pavilhão da Liga.

PAINEL

Outra atividade que promete animar os foliões é o painel “Novos Horizontes do Carnaval”, no dia 15 de outubro (sábado), das 14h às 18h, na Cinemateca Capitólio (Rua Demétrio Ribeiro, 1085, Centro Histórico de Porto Alegre).  O evento, gratuito e aberto ao público, terá a participação dos carnavalescos das escolas de Samba do RJ Maria Augusta Rodrigues e Milton Cunha, e do diretor da Sebastiana (Associação de Blocos do Carnaval de Rua do RJ), Nei Barbosa. O encontro,  vai debater os rumos do carnaval e a evolução do carnaval de rua, entre outros temas.

Ainda dentro da programação da 12ª Festa Nacional da Música e antecedendo o seu início, no sábado 08 de outubro, será oferecido aos integrantes e simpatizantes de bandas marciais, bem como ao público em geral, um painel sobre Gestão de Bandas Marciais e Musicais. O evento acontece no Auditório do Colégio Estadual Júlio de Castilhos (Avenida Piratini nº 76 – Porto Alegre/RS),  inicio às 14h, com a apresentação da Banda Marcial Juliana no Colégio Júlio de Castilhos, já das 14h30 às 17h50 acontece o Painel: Gestão de Bandas Marciais e Musicais.

ABERTURA OFICIAL

A abertura oficial da Festa da Música irá ocorrer no dia 9 de outubro com uma apresentação da Escola da Ospa, no Parque da Redenção (próximo ao Monumento ao Expedicionário), a partir das 10h30. O concerto será seguido de uma Mostra de Conjuntos Universitários das Faculdades de Música do RS. À tarde, é a vez da música gaúcha comandar o palco da Redenção. Das 14h às 18h, vão se apresentar grupos e músicos como Tchê Guri, Elton Saldanha, Neto Fagundes, Antonio Villeroy, Guri de Uruguaiana, Oswaldir e Carlos Magrão, Luiz Carlos Borges, Daniel Torres, Cristiano Quevedo, Shana Müller, Samuca do Acordeon e Délcio Tavares.

No domingo, dia 16 de outubro, a Festa Nacional da Música vai reunir em Porto Alegre, no Largo Glênio Peres, artistas nacionais e regionais para um mega show gospel. A apresentação  gratuita será das 14h às 18h. O conhecido Domingo Gospel, conduzido pelo cantor e apresentador Fabinho Vargas, já tem a participação confirmada da cantora Daniela Araújo, dos cantores PG, Eli Soares, Paulo Cesar Baruk, Paulo Figueiró, projeto Preto no Branco, Banda Tanlan, entre outros.

Também no Largo Glênio Peres, estão previstos, ao longo da semana entre  9 a 15 de outubro, apresentações de música clássica no horário do meio-dia e no final da tarde, entre elas a Orquestra Villa-Lobos. Em minipalcos montados na Esquina Democrática, Mercado Público, estações de ônibus é a vez de novos talentos da música,  mostrarem a sua arte.

Homenagens – Entre momentos mais esperados da Festa Nacional da Música, a noite de premiações será na noite de 17 de outubro, no Centro de Eventos do Hotel Plaza São Rafael, no Centro Histórico de Porto Alegre. A cerimônia, marcada pela diversidade da música nacional, proporciona uma celebração à música brasileira, reconhecendo a contribuição de profissionais à indústria fonográfica no País. Em sua 12ª edição, o evento irá homenagear a cantora Alcione, o coreógrafo Carlinhos de Jesus, o cantor Amado Batista, o saxofonista Leo Gandelman, a diva da black music Paula Lima, o grupo Turma do Pagode, o cantor tradicionalista Luiz Carlos Borges, o compositor e poeta Luiz Coronel e o rei das marchinhas de carnaval João Roberto Kelly, entre outros nomes ligados à MPB.

Além do grande número de personalidades musicais de todo o País, a Festa da Música se destaca pelo clima de confraternização entre artistas de gêneros e vertentes distintos. Todos os estilos são bem-vindos e têm espaço garantido: da bossa nova ao funk, do samba ao gospel, do sertanejo ao rock.

A Festa Nacional da Música, a Cidade da Música vem  para envolver o público e artistas em torno da arte mais popular do Brasil. Serão dias de intensas atividades gratuitas em parques, praças, estações de trem, cinemas e teatros da Capital gaúcha.

Neste período, estão previstos shows, concertos, painéis, workshops, apresentações de grupos de folclore, de dança, de escolas de samba, festival de bandas marciais, grafite, sessões comentadas de filmes, entre outras atividades ligadas à música.

A Festa Nacional da Música tem sua marca reconhecida pela diversidade de estilos, o evento promove a integração de artistas de todo o Brasil e dos mais variados gêneros musicais. Do rock ao samba, do funk ao forró, do rap ao sertanejo, da MPB à música clássica, o clima é de descontração e intercâmbio cultural junto a personalidades de renome do mercado da música. Shows espontâneos, parcerias improvisadas, jam sessions e debates importantes acerca da indústria fonográfica brasileira dão o tom do evento e ainda o Gre-Nal dos artistas, que acontecerá no Zequinha, Zona Norte de Porto Alegre.

 

Fátima Rodrigues Oliveira/ ComunicaçãoLIESPA

Fonte: Claudia Kovaski/Renate Melgar
Assessoria de Imprensa/Festa Nacional da Música

Check Also

A LIESPA DÁ BOAS-VINDAS AOS NOVOS PRESIDENTES DA VILA E DA IMPERATRIZ

O Presidente Juarez Gutierres de Souza, em nome da Diretoria Executiva da LIESPA- Liga Independente …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *