A Festa Nacional da Música 2017 promoveu no dia 20 de outubro(sexta-feira),  a 2ª edição da “Descida da Borges com a Festa da Música”. É carnaval na Festa Nacional da Música, que contou com a apresentações das baterias, passistas e representantes das Escolas de Samba Imperadores do Samba, campeã do carnaval 2017, e Bambas da Orgia.

                “NÃO DEIXA O SAMBA MORRER” FOI ENTOADO PELO PÚBLICO NA DESCIDA DA BORGES

O manisfesto ocorreu na sexta-feira à noite na Festa Nacional da Música, antecipando o carnaval de 2018, cantado pela Imperadores do Samba, a escola campeã do Carnaval de Porto Alegre 2017, o público e integrantes da Escola de Samba Bambas da Orgia e do bloco da Band participaram do manisfesto. “Não deixe o samba morrer”, composição de Edson Conceição e Aloísio Silva, gravado em 1975 por Alcione, foi entoado por quase todas as vozes, que se encontravam na Borges de Medeiros, traduzindo um pouco do sentimento de tristeza pela atual situação do carnaval,  e o pedido para que não deixem o samba da cidade morrer. As escolas estavam representadas por seus estandartes.

O carnaval de 2017 foi ‘abraçado’ pela Band RS, que transmitiu a folia e dará continuidade com a parceria em 2108 , segundo alguns dirigentes  essa iniciativa ajudara a  preservar a cultura carnavalesca.

A segunda edição da Descida da Borges reuniu aproximadamente 20 mil foliões entre eles esteve presenta o Rei Momo Mauricio Melo, que com seu carisma, arrancou aplausos e muitos pedidos de fotos da comunidade carnavalesca, acompanhado pela bela Rainha Raquel Sampaio e pela princesa Ilana Xavier, ele as conduzia de uma ponta a outra da avenida cumprimentando carinhosamente a família carnavalesca, que se acotovelava para participar do momento tão importante do Carnaval, entre a Esquina Democrática e a Prefeitura, no Centro da capital gaúcha. Alegria, descontração e união tomaram conta dos 200 metros de pista , que teve o bloco da Band RS, a Imperadores do Samba (escola campeã do desfile de 2017,) e a tradicional e mais antiga escola da cidade, a Bambas da Orgia.

O bloco da Band RS foi  formado por celebridades, funcionários e convidados, e coordenado pelo jornalista André Machado, que estreia seu programa “Bah! É Carnaval”, às 21h deste sábado, na Rádio Bandeirantes.

O samba-enredo “Bah! É Carnaval” foi composto por Nego Isolino e Nego Paródia e apresentado ao público, e prevendo que o carnaval de 2018, acontecerá o  Bambas da Orgia trouxe a celebração de 100 anos de Nelson Mandela e cantou o samba-enredo que o fez vencedor no  carnaval de 1977, quando os desfiles ainda eram na Borges, lembrando que duas escolas empataram e sagraram-se s campeãs.

A Imperadores do Samba foi a última escola,  apresentando um pout porri de sucessos de sambas e de sambas-enredo antigos da escola e destacaram que há 50 anos, na mesma Borges, ganharam o primeiro título.

A Descida da Borges, busca  relembrar os desfiles de Carnaval no Centro de Porto Alegre na década de 1960, foi incorporado à programação da Festa Nacional da Música desde a primeira edição, em 2016, na capital, já que até então acontecia na serra gaúcha, na cidade de Canela.

Fotos: André Gomes/Comunicação Liespa

Fátima R Oliveira/ Comunicação Liespa